Conteúdo

Home

História Geral

História do Brasil

Atualidades

Cultura

Biografias

Curiosidades

 

Cronologia

Brasil

Mundo

 

Calendário

Datas Comemorativas

 

Links

Enem

Fuvest

Prouni

Mec

Une

 

 

 

 

 

 

 

História Geral

O Nazismo

Tendo que pagar severas reparações de guerra determinadas pelo Tratado de Versalhes, a Alemanha enfrentava uma situação muito difícil.

Com o término da Primeira Guerra, Guilherme II, imperador da Alemanha, abdica. Uma nova constituição foi aprovada em 1919, criando a República de Weimar.

O primeiro presidente eleito foi Friedrich Ebert, em meio a uma agitada situação política e grave crise econômica.

Nesta época, a Alemanha teve os maiores índices inflacionários da história, que levaram os operários e a classe média a um empobrecimento crescente.  Era necessário levar sacolas de dinheiro para as compras, pois um pão no começo do ano (1923) custava 250 marcos, chegando alguns meses depois a 200 bilhões de marcos.

O governo da República de Weimar não conseguia estabilizar a economia e sofreu diversas tentativas de golpe. O Partido Nazista tenta chegar ao poder em 1923 em um golpe fracassado. Seu líder, Adolf Hitler, é condenado a cinco anos de prisão, mas foi libertado depois de um ano. Na prisão, escreveu o livro Mein Kampf (Minha Luta), que seria o manual básico dos nazistas.

Nazi era a sigla do Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães.

 

ALGUMAS IDÉIAS DEFENDIDAS POR HITLER:

- manutenção da pureza na raça alemã (ariana).

- combate à influência dos judeus, considerada nefasta.

- reunir a Alemanha em um Reich (império).

- expandir os domínios territoriais.

 

Aproveitando o agravamento dos problemas econômicos com a crise de 1929, o Partido Nazista chega ao poder em 1933. Hitler é nomeado primeiro-ministro (Chanceler). Setores da burguesia, temendo um possível levante comunista, apóiam o Partido Nazista.

Os comunistas são acusados pelo grande incêndio ocorrido no Reichstag (Parlamento). Em represália, o Partido Comunista é colocado fora da lei.

Hitler persegue seus opositores com Tropas de Choque (SA), Tropas de Assalto (SS), Polícia Política (Gestapo) e estabelece censura à imprensa.

 

 Com a morte do presidente Hindenburg em 1933, Hitler passou a acumular os cargos de presidente e primeiro-ministro. Assume o título de Führer (Guia). Tem início o chamado III Reich (Império) alemão.

 A primeira grande manifestação anti-semita ocorre em 1934 na "Noite dos Longos Punhais". Estabelecimentos comerciais e sinagogas foram atacadas por milícias nazistas, com a anuência do governo.

 O incentivo a obras públicas, com a intervenção do Estado e o estímulo à indústria, especialmente a de armamentos, eliminou o desemprego, conquistando assim a opinião favorável de amplos setores da sociedade.

Adolf Hitler

 

01/10/05

 

 

 

 

 
 
 

 

 

 

 

©HistóriaMais 2005/2014    Política de Privacidade     historiamais@historiamais.com